Pesquisa e Insights

Derivação simples com válvula de 3 vias na tubagem de alimentação

Um circuito de mistura de derivação simples é utilizado quando se pretende o caudal variável ou a temperatura variável, ou ambos, no lado secundário.

Funcionamento:

  • Lado secundário:
    A carga será normalmente uma superfície de calor ou um sistema de radiadores, no qual é necessária uma temperatura variável. Devido a uma redução da temperatura do caudal, o caudal no lado secundário será normalmente superior. O caudal pode ser constante ou variável, dependendo do sistema. A válvula pode ser colocada na tubagem de alimentação ou na tubagem de retorno.
  • Lado principal:
    O caudal diminui quando a válvula está a fechar. Se uma bomba sem controlo de velocidade for instalada no lado principal, a pressão diferencial no ponto de ligação irá aumentar quando o caudal estiver a diminuir.

Interacção com bombas com velocidade controlada:

  • Lado secundário:
    Devido ao caudal mais elevado no lado secundário, uma bomba com controlo de velocidade terá autoridade no sistema secundário.
  • Lado principal:
    A bomba irá reduzir a velocidade quando a válvula estiver a fechar. Normalmente, recomenda-se o controlo de pressão proporcional em sistemas em que a perda de pressão seja dividida entre o sistema de tubagem e as válvulas de controlo.

As bombas Grundfos fazem normalmente parte de sistemas de aquecimento onde é utilizado um circuito de mistura de derivação simples para controlar o caudal e a temperatura.

Aplicações relacionadas

Localize aplicações da Grundfos relacionadas com este assunto.