Pesquisa e Insights

Cavitação

A cavitação nas bombas ocorre quando a pressão de um líquido a uma temperatura constante desce abaixo do ponto de pressão de vapor saturado (ou do ponto de ebulição).

Quando ocorre cavitação, as bolhas de ar formam-se continuamente e colapsam (implodem) no líquido. Isto gera ruído e pode provocar danos na instalação. Num sistema de aquecimento, ocorre frequentemente cavitação nas bombas se a pressão do lado da aspiração da bomba for demasiado baixa. Para evitar a cavitação numa bomba, a pressão mínima de entrada deve estar acima do NPSH R (Altura piezométrica absoluta necessária para a aspiração) da bomba.

A figura apresenta a curva para a pressão de vapor de água saturada em função da temperatura (neste caso, o líquido é a água), onde é possível a pressão de vapor saturado do líquido (equivalente ao seu ponto de ebulição) numa determinada situação (A). alcançada através do aumento da temperatura ou da redução da pressão. A linha tracejada mostra o ponto de ebulição do líquido à pressão atmosférica.

A cavitação pode ser um problema quando a pressão de entrada desce abaixo do NPSH R e, em particular, poderá ser um problema em sistemas de caldeiras. A Grundfos fornece o sistema NPSH R no material técnico para todas as bombas.