Pesquisa e Insights

Sistema de aquecimento de piso

Uma alternativa viável aos sistemas de aquecimento convencionais de tipo radiador é o aquecimento no piso. Uma solução típica consiste em tubagens de diâmetro pequeno, colocadas na laje de betão por baixo da superfície do piso. A solução é habitualmente alimentada por uma caldeira de condensação ou aquecimento urbano.

O aquecimento de edifícios desta forma proporciona uma libertação de calor consistente e uniforme a partir do nível do piso. Proporciona conforto sob os pés e temperaturas agradáveis. Uma vez que as tubagens estão escondidas, não existem radiadores desagradáveis. Utiliza também uma temperatura da água mais baixa para manter o mesmo nível de temperatura ambiente dos sistemas de radiador.

Para maior conforto, a temperatura da superfície do piso deverá situar-se entre 25 e 32 ºC. Trata-se de uma temperatura de caudal relativamente baixa. A diferença de temperatura possível irá situar-se entre 10-15 ºC, o que é mais baixo do que no interior dos sistemas de radiadores. Assim, os sistemas de aquecimento de piso utilizam um caudal de água mais pequeno para obter os mesmos resultados de temperatura.

Uma vez que as caldeiras de condensação funcionam de forma mais eficiente a temperaturas mais baixas, a combinação de um sistema de aquecimento integrado pode reduzir os custos de aquecimento. Uma caldeira de condensação funciona no modo de condensação mais rentável a temperaturas mais baixas, o que poupa dinheiro. O aquecimento no piso também é adequado para utilização com aquecimento solar e bombas de calor.

As bombas circuladoras Grundfos são ideais para aplicações de aquecimento doméstico e
em particular, sistemas de aquecimento de piso.

Aplicações relacionadas

Localize aplicações da Grundfos relacionadas com este assunto.