Artigo

Sistemas de pressurização simples vs. sistemas de pressurização divididos por zona

Conceção do sistema de pressurização de água ideal

O seu desafio:

Para garantir pressão constante, os edifícios comerciais altos enfrentam dois grandes desafios. Em primeiro lugar, a pré-pressão na rede de água raramente é elevada o suficiente para cobrir todo o edifício. Segundo, a necessidade de água muda constantemente. Normalmente, os tanques de ruptura são instalados para manter a água armazenada. No entanto, isto torna a necessidade de bombas ainda mais urgente, uma vez que é necessário aumentar a água para atingir diferentes utilizadores.

Isto significa que um sistema de pressurização deve não só ser fiável, como também ter a inteligência para manter a pressão adequada, independentemente do consumo. Contudo, os sistemas de pressurização simples podem resultar numa pressão inaceitavelmente elevada nos pisos inferiores. Quando isto acontece, o sistema necessita de válvulas de alívio de pressão dispendiosas que desperdiçam energia para eliminar a pressão excessiva.

A nossa solução:

A escolha do sistema de pressão adequado depende da altura do edifício e do perfil de carga. Mas, na maioria dos casos, um sistema dividido em zonas, no qual vários sistemas de pressurização servem a sua própria zona de pressão, oferece a solução mais eficiente. Os sistemas de pressurização divididos por zonas garantem que o sistema não adiciona mais pressão do que o necessário.

Isto significa que o seu edifício tem uma pressão de água igual a todos os pisos, sem desperdiçar energia - mesmo com um consumo flutuante. Uma abordagem dividida em zonas oferece também a fiabilidade de várias bombas e garante que o sistema pode adaptar-se a flutuações de consumo.

Reduzir o consumo de energia em 31,5%

Bomba de pressurização simples x divisão de zona: Um cálculo

Qual é a importância da vantagem de escolher um sistema inteligente? Calculámos o consumo de energia de dois designs diferentes para um sistema de pressurização para um hospital de 20 pisos, para descobrir.

Utilizámos o Grundfos Product Center para dimensionar aplicações de pressurização para um hospital com 800 leitos e um consumo de água de 300 m3 / ano por leito. A pressão de derivação admissível é de 2,5 a 4,0 bar e a altura do edifício e do piso são 80m e 4m, respectivamente. Com 60% do consumo de água a ocorrer nos primeiros pisos, um único sistema de pressurização consome 106,530 kWh/ano. A solução dividida por zonas utiliza apenas 72,937 kWh/ano - 31,5% menos.

A solução inteligente: Um sistema dividido em zonas

Sistema de pressurização simples

A forma mais simples de atingir uma pressão igual da água da torneira em todos os pisos é produzindo pressão excessiva - e depois removendo-a novamente.

Ter apenas um sistema de pressurização a fornecer água a todo o edifício leva a diferenças de pressão significativas no sistema. A estação de pressurização na cave tem a potência da bomba para superar a perda de altura manométrica de um sistema que chega até ao último piso. Mas isto também significa que a pressão da água da torneira nos pisos inferiores excede em muito um nível aceitável. Isto requer a instalação de válvulas de descompressão para eliminar a pressão excessiva. Por outras palavras, não só precisa de investir em componentes adicionais como também está a eliminar a pressão que gastava na produção.

Sistema dividido em zonas

A forma inteligente de impulsionar a água é produzir a pressão necessária em cada piso - nem mais, nem menos.

Dividindo um edifício alto em zonas de pressurização, é possível definir o caudal e a pressão necessários em cada zona. O dimensionamento de cada sistema de pressurização para ir de encontro às suas necessidades exatas é um cálculo fácil no Grundfos Product Center. Com cada bomba de pressurização a bombear à velocidade exacta requerida, o efeito no consumo de energia é evidente: não há mais desperdício de energia resultante da redução da sobrepressão e as bombas funcionam para o perfil de carga de cada zona. Os nossos sistemas de pressurização adaptam-se de forma inteligente às necessidades, eliminando a necessidade de válvulas de descompressão - garantindo sempre um funcionamento fiável e eficiente em qualquer altura.

Outros artigos relacionados

Encontre artigos relacionados com pesquisa e conhecimentos da Grundfos.

Aplicações relacionadas

Localize aplicações da Grundfos relacionadas com este assunto.