Caso

Novo hidráulico assegura fiabilidade operacional – uma necessidade para o transporte de águas residuais brutas

Na região ocidental de Espanha, a fiabilidade operacional da rede de águas residuais brutas é assegurada e os problemas de obstruções na estação de bombeamento são resolvidos com o novo impulsor Open S-tube® instalado numa das bombas SL.

Nesta zona de Espanha, a autoridade hídrica regional enfrentava o desafio de garantir um funcionamento sem obstruções nas suas estações de bombeamento. As consequências de falhar poderiam ser críticas para o seu negócio. A autoridade hídrica faz parte de uma das maiores empresas públicas de Espanha, e o Gestor de Equipamentos da autoridade regional era responsável por assegurar um funcionamento sem problemas em todas as estações de bombeamento e tratamento da zona abrangida.



A situação

Para a autoridade hídrica, a fiabilidade operacional é uma necessidade essencial. É um requisito obrigatório para assegurar o transporte seguro e previsível de águas residuais e custos operacionais baixos. A estação de bombeamento em questão recebe águas residuais de uma das zonas da cidade em que se encontra.

A principal causa dos problemas de obstrução era o crivo mecânico, que servia de pré-tratamento para a remoção de sólidos de grandes dimensões, que nem sempre estava na posição correta. No caso específico desta estação de bombeamento, tal devia-se à dificuldade de acesso. Sendo então necessário remover e limpar as bombas três a quatro vezes por semana.

Os poços das bombas. As bombas estão submersas.



A solução

O Gestor de Equipamentos solicitou a ajuda da Grundfos para melhorar a situação e apresentar uma solução que suportasse sólidos de grandes dimensões. A solução tinha de ter em conta que o pré-tratamento não é satisfatório e que há um caudal contínuo de águas residuais com uma grande concentração de trapos (toalhetes higiénicos e outros), o que complica consideravelmente o funcionamento devido ao bloqueio e obstrução constante das bombas.

Após uma análise da situação, do local e das caraterísticas da estação de bombeamento e das águas residuais em questão, a Grundfos apresentou uma bomba SL equipada com um impulsor Open S-tube® para evitar as obstruções que ocorriam anteriormente.



O resultado

Considerando que antes eram necessárias três a quatro intervenções por semana, sendo preciso remover as bombas e despender cerca de duas horas a desobstruir e limpar cada bomba, o cliente consegue poupar seis a oito horas de trabalho por semana. Isto significa que, em média, existe uma poupança de 350 horas por ano, horas que podem ser empregues em outras tarefas importantes na estação de bombeamento, enquanto as bombas funcionam como deviam.

Produtos relacionados

Encontre soluções da Grundfos relacionadas com este assunto.

Outros casos relacionados

Leia histórias relacionadas de clientes que também beneficiaram de uma solução Grundfos.

Outros artigos relacionados

Encontre artigos relacionados com pesquisa e conhecimentos da Grundfos.